Festividade na Capela Nossa Senhora da Conceição, Pacheco

Imaculada Conceição

A solenidade da Imaculada Conceição de Maria está colocada liturgicamente em um lugar privilegiado, ou seja, no tempo litúrgico do Advento, e ajuda-nos a ver a Nossa Senhora no cumprimento da sua missão na história da salvação. Já celebrada no século XI, esta solenidade insere no contexto do Advento-Natal, unindo a expectativa messiânica e o retorno glorioso de Cristo com a admirável memória da Mãe. Maria é toda santa, imune de qualquer mancha de pecado, como que plasmada pelo Espírito Santo e feita nova criatura.

O Dogma da “Imaculada Conceição” foi definido e declarado pelo Papa Pio IX à 08/12/1854, com a seguinte fórmula “… Declaramos, pronunciamos e definimos que a doutrina, de que a beatíssima Virgem Maria no primeiro instante de sua conceição, por singular graça e privilégio de Deus onipotente e em vista dos méritos de Jesus Cristo, Salvador do gênero humano, foi preservada imune de toda mancha da culpa original, é revelada por Deus e por isso, deve ser crida firme e constantemente por todos os fiéis” (Bula, Ineffabilis Deus). [1]

 

Festa em Honra à Nossa Senhora da Conceição

A Capela Nossa Senhora da Conceição situada na Rua Nossa Senhora da Conceição, Pacheco – Itaboraí celebrou a 31ª Festa em Honra à Nossa Senhora da Conceiçã0. Os preparativos iniciaram-se no dia 29/11 com início da Novena na Capela, ocorrendo todos os dias às 19h. No dia 07/12 celebrou-se a Santa Missa às 19h com início do tríduo religioso.

No dia 08/12 em Natividade à Imaculada Conceição às 06h deu-se abertura a Alvorada Festiva e às 19h celebrou-se a Santa Missa seguida de procissão. E encerrando os festivos à Imaculada Conceição,no domingo às 11h iniciou-se a Santa Missa, seguida de um almoço e às 14h ocorreu o Festival de Prêmios promovido pela Comunidade.

 

 

Referências Biográficas:

[1] http://cnbbleste1.org.br/2014/12/imaculada-conceicao/